Está ligado ao website da Nespresso PT. Caso pretenda receber a sua encomenda noutro país, siga esta hiperligação.

Cultivo

OS SEGREDOS DA BAGA

O café vai buscar as suas características ao solo, à água, ao sol e ao zelo e cuidados dos agricultores. Com o tempo, esta alquimia secreta dá origem a um fruto vermelho, ao qual chamamos baga. A baga contém dois grãos que irão revelar um aroma e sabor únicos.


A baga

Alguns meses após o cafeeiro florescer, este apresenta um fruto conhecido por "baga do café".

• A floração dos cafeeiros depende da altitude, do clima e da região onde são cultivados.
• A flor branca do cafeeiro liberta um delicado cheiro a jasmim. A flor perde as pétalas em apenas alguns dias após a fertilização.
• A formação do fruto a partir da flor ocorre 6 a 8 meses após a floração para a variedade Arábica e 9 a 11 meses para a variedade Robusta.

As bagas do café apresentam diferentes fases de maturidade no mesmo ramo:

• As bagas do café, também conhecidas por "drupas",  são inicialmente verdes e quando o fruto amadurece tornam-se de uma cor vermelho-alaranjado (ou amarelas no caso do Yellow Bourbon).
 • A designação "baga ou cereja" deve-se à sua cor e formato, que faz lembrar o fruto da cerejeira.

Cada baga contém dois grãos que se tornarão café verde.

• A baga é constituída por dois grãos lado a lado, envoltos em mucilagem,  que por seu lado é revestida por uma polpa vermelha e carnuda. Estas camadas são removidas para revelar o café verde: a matéria-prima de que é feito o café. 


O solo nutritivo

• O café é cultivado nos solos da faixa tropical, entre o Trópico de Caranguejo e o Trópico de Capricórnio.
• O café só pode ser cultivado em regiões tropicais visto que necessita de temperaturas quentes e chuva abundante.
• O sol fornece nutrientes para o café e confere-lhe o seu carácter único.


Ao longo do ano, os Peritos em Café da Nespresso percorrem o mundo em busca dos melhores grãos de café, junto dos pequenos produtores.

• A Nespresso tem um cuidado especial na seleção dos países produtores que  fornecem o café utilizado nas suas misturas: Brasil, Colômbia, Costa Rica, Guatemala, Quénia, Índia e Etiópia.
• Ano após ano, os nossos Peritos em Café descobrem origens de excecionais, que utilizamos para produzir as nossas variedades Special Club e Limited Edition.


Arábica e Robusta, uma alquimia única

O Arábica é uma variedade de café cultivada a grandes altitudes. Tem um carácter floral ou frutado, é bastante ácida e tem baixo teor de  cafeína. A variedade Robusta é cultivada nas planícies. É mais intensa, mais amarga e encorpada e tem um teor mais elevado de cafeína. A mistura subtil destas variedades revela uma riqueza de sabores.

• A Nespresso utiliza 95% de Arábicas e 5% de Robustas nos seus Grands Crus.
• Os melhores Arábicas são produzidas perto do Equador, entre os 1000 e os 2000 metros de altitude, onde a luz do sol e as noites relativamente frias atrasam a maturação. Estas condições específicas favorecem o crescimento de grãos duros e aromáticos.
• As variedades de Robusta mais rústicas preferem uma baixa altitude, entre 100 e 800 metros, e climas quentes e húmidos.
• As variedades  Arábica e Robusta da Nespresso são selecionadas de acordo com rigorosos critérios de qualidade.